23.5 C
Paraná
quinta-feira, maio 23, 2024
InícioSegurançaMotoqueiro aponta arma pra PM e morre baleado

Motoqueiro aponta arma pra PM e morre baleado

spot_img

Um motociclista, de aproximadamente 20 anos, perdeu a vida após ser alvejado a tiros na quarta-feira, em um trecho da Estrada do Ganchinho, localizada no bairro Umbará, em Curitiba. Segundo informações da Polícia Militar (PM), o incidente ocorreu durante uma tentativa de abordagem, na qual o suspeito teria apontado uma arma em direção aos agentes, que reagiram à situação.

O tenente Coradin, do 13º Batalhão da PM, explicou que os policiais decidiram abordar o motociclista após observarem que ele estava conduzindo em alta velocidade e que a motocicleta dele não possuía retrovisores.

“No entanto, quando [a equipe] tentou sinalizá-lo, a moto iniciou uma fuga. Apenas o condutor estava presente. Neste momento inicial, os policiais notaram que o piloto levou a mão em direção à cintura, mas até então não retirou nada. Os policiais seguiram com maior cautela, considerando que, devido a este gesto, o motociclista poderia estar armado. A perseguição teve início nas proximidades de um mercado na Rua Nicola Pelanda, no bairro Pinheirinho, e culminou no local onde os disparos ocorreram, aqui no Umbará,” disse o tenente Coradin do 13º Batalhão da PM.

Coradin mencionou que o suspeito sacou a arma após levar a mão à cintura, pela segunda vez.

“Aqui, nas proximidades, onde o indivíduo caiu baleado, o condutor da motocicleta novamente levou a mão à cintura, porém, desta vez, sacou um revólver. A equipe visualizou a arma e, diante da iminente ameaça, efetuou disparos que atingiram, um deles, as costas do suspeito. Sabe-se que o jovem tem 22 anos e celebraria seu aniversário em maio. Ele possui registros policiais pelo crime de ameaça com o uso de arma de fogo. Portanto, possui um histórico criminal. Não possuímos informações adicionais sobre sua vida além disso,” concluiu o tenente.

Familiares do suspeito estiveram no local e protestaram contra a ação da PM, alegando que o jovem não estava armado. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para a remoção do corpo.

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

hot news

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

1 COMENTÁRIO

  1. Família e amigos ainda foram interditar avenida do bairro com queima de pneus em protesto pela morte em confronto com as equipes.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui