17.5 C
Paraná
quarta-feira, julho 17, 2024
spot_img
InícioGeralPMB corta as asas de Ezequias Barros

PMB corta as asas de Ezequias Barros

spot_img

O vereador curitibano na janela de transferência vai trocar o PMB por outra legenda, a tendência é ele seguir para um partido da base do vice-prefeito Eduardo Pimentel (PSD), tudo porque no dia seis de fevereiro, as comissões executivas de Curitiba e a Estadual da legenda se reuniram para cortarem as asas de Ezequias Barros com relação a eleição de seis de outubro, quando irá tentar a reeleição e deliberaram que o vereador não terá legenda.

A decisão foi a seguinte:

Curitiba, 05 de fevereiro de 2024.

COMUNICADO OFICIAL

As comissões executivas do PMB-35 estadual e municipal de Curitiba, se reuniram na noite de quinta 25/01/2024, às 20 hrs, na sede do partido à Rua Leôncio Correia, 29 – Água Verde – Curitiba, com intuito de deliberar acerca do planejamento da montagem da chapa proporcional do PMB de Curitiba, para disputa das eleições 2024.

Diante disto, foi discutido entre os presentes o desempenho do Ver. Ezequias Barros como representante do partido na Câmara Municipal, eleito em 2020 pelo PMB-35, bem como sua participação junto ao partido.

Segue abaixo a avaliação feita pelos membros e consequente decisão:

– Participação nas reuniões ordinárias e atividades partidárias abaixo de 30% do total;

– Participação da equipe de gabinete nas reuniões e atividades partidárias abaixo de 20% do total;

– Infidelidade partidária quanto à contribuição financeira ao partido, conforme determina o estatuto;

– Falta de alinhamento com o partido e suplentes na condução do mandato;

– Dar cobertura a atos de indisciplina do funcionário do gabinete Murilo de Deus Derzete, quando o mesmo desacatou o advogado do partido, quando o mesmo ameaçou ajuizar ação contra o partido, e mais recentemente, quando o mesmo foi flagrado utilizando-se do veículo da Câmara Municipal de Curitiba para uso pessoal, caso este em que expôs o partido negativamente em todos os meios de comunicação da cidade;

– Na condição de Corregedor da Câmara, no caso da vereadora Maria Letícia (PV), flagrada dirigindo alcoolizada, onde desacatando a autoridade pública, dando a chamada “carteirada”, o vereador abrandou o caso e não encaminhou denúncia que poderia gerar cassação no Conselho de Ética da Câmara, fato este em que expôs o partido negativamente em todos os meios de comunicação da cidade;

Diante do exposto, os membros da comissão executiva presentes na reunião decidiram unanimemente, que o vereador Ezequias Barros, NÃO PODERÁ CONCORRER A REELEIÇÃO PELO PMB-35 NAS ELEIÇÕES 2024.   

Fica garantido ao vereador o direito de permanecer filiado ao partido, bem como as condições e benefícios que lhe são proporcionados, porém, caso deseje concorrer nas eleições 2024, deverá buscar outra sigla dentro da janela eleitoral.

A decisão é em esfera administrativa, e os pontos relacionados aqui são para fins de justificativa e reflexão para que haja aprimoramento pessoal e partidário.

Cordialmente

Fabiano dos Santos, presidente estadual do PMB

spot_img
spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

hot news

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui