9.8 C
Paraná
quarta-feira, julho 24, 2024
spot_img
InícioSaúdeOlhos de bebê mudam de cor após tomar remédio...

Olhos de bebê mudam de cor após tomar remédio contra a Covid

spot_img

Os efeitos colaterais de antivirais contra a Covid-19 são comuns e na maioria os cientistas ainda não conseguiram explicar totalmente, na Tailândia, um bebê de seis meses, após ser medicado com o remédio Favipiravir, teve as cores dos olhos mudados de castanhos para azuis, mas esse não é o primeiro caso e nem o último relatado por médicos do uso do remédio.

O Favipiravir é utilizados pelos médicos para ajudar o organismo a vencer a guerra contra uma variedade de vírus, como o Ebola e a Influenza por exemplo.

Funciona especificamente em vírus que utilizam RNA, um primo molecular do DNA, como material genético; à medida que os vírus fazem cópias do seu RNA, o medicamento insere-se nas moléculas ainda em crescimento e causa mutações.

Os efeitos colaterais comuns do Favipiravir são: diarreia, queda nos glóbulos brancos e a elevação do nível de ácido úrico no sangue e que pode levar a formação de pedras nos rins, geralmente dolorosas e muitas vezes, precisam de intervenção cirúrgica, além de náuseas.

O primeiro relato da mudança na coloração foi de dezembro de 2021, quando a os olhos de um jovem de 20 anos mudou de castanho para azul, no dia seguinte ao se medicar com o Favipiravir.

No inverno anterior a essa descoberta, um homem chegou ao hospital com uma luz ultravioleta para mostrar que os olhos brilhavam, ele também tinha tomado o Favipiravir.

Em 2022, três casos de manchas de fluorescência foram diagnosticados em outras partes por médicos, além dos olhos, apareceram nas unhas e em dentes, sempre depois dos pacientes terem tomado o medicamento.

O último caso relatado foi no mês passado, de um menino tailandês de seis meses, para o tratamento da Covid-19 recebeu a receita com o Favipiravir capsulas e um xarope com componentes do medicamento.

Dezoito horas após ter ingerido a droga, a mãe notou a mudança de cor nos olhos, passaram de castanho escuro para azul exposto à luz do sol.

Ao examinar a criança, os médicos descobriram um acúmulo de pigmento azul em ambas as córneas e cinco dias depois de terminar o trabatamentos a cor voltou a sua forma original.

Cientistas teorizaram que a mudança temporária na cor dos olhos foi causada pela liberação de substâncias químicas que de alguma forma se acumulou na córnea, o medicamento contém componentes como dióxido de titânio e óxido férrico amarelo.

Estudos em laboratório apontaram que os comprimidos de Favipiravir são fluorescentes sob luz ultravioleta, portanto, esses compostos acabam se incorporando ao organismo e se acumulando em diferentes tecidos.

Infelizmente os estudos, devido ao pequeno período de acompanhamento dos pacientes, é inclusivo sobre o efeito a longo prazo, mas os médicos lembram, fatores como idade das pessoas, tempo de tratamento e a dosagem aumentam as probabilidades dos efeitos colaterais.

spot_img
spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

hot news

Publicidade

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui